Contate Paulo no Twoo Página de perfil do(a) xeno1958

xeno1958

masculino - 58 anos, Oriximina, Brasil
134 fãs - 10.722 visitantes

Blog / Sou uma pessoa comum. E você?‏

Domingo, 29 Novembro 2009 às 05:59

Fui criado com princípios morais comuns.
Quando criança, ladrões tinham a aparência de ladrões e nossa única preocupação em relação à segurança era o flagrante do lanterninha dos cinemas!

Mães, pais, professores, avós, tios, vizinhos eram autoridades presumidas dignas de respeito e consideração.
Quanto mais próximo, e/ou mais velhos, mais afeto.
Inimaginável responder deseducadamente a policiais, mestres, idosos, autoridades.

Confiávamos nos adultos porque todos eram pais de todas as crianças da rua!
Tínhamos medo apenas do escuro, de sapos, de filmes de terror.

Hoje, sinto uma tristeza infinita por tudo que perdemos.
Por tudo o que meus filhos precisam temer.
Matar pais, avós, violentar crianças, sequestrar jovens, roubar, enganar, passar a perna, tudo virou banalidade no noticiário policial.
Não levar vantagem é ser otário!
Pagar dívidas em dia é bancar o bobo, anistia para os caloteiros de plantão.
Ladrões de terno e gravata, assassinos com cara de anjo, pedófilos de cabelos brancos.

O que aconteceu conosco?

Professores agredidos em salas de aula, comerciantes ameaçados por traficantes, grades em nossas portas e janelas.

Crianças morrendo de fome, gente com fome de morte.

Que valores são esses? Carros que valem mais que abraços, filhos pedem como brindes por passar de ano.

Mais vale vinténs do que um gosto?

Que lares são esses?

Bom dia, boa noite, até mais. Jovens ausentes, pais ausentes, droga presente e o presente uma droga.
Quando foi que fechei a janela do meu carro? Quando foi que me fechei?

Quero de volta a minha dignidade, a minha paz e o lugar onde o bem e o mal são contrários, onde o mocinho luta com o bandido e o único medo é de quem rouba e mata.
Quero de volta a lei e a ordem.
Quero liberdade com segurança. quero tirar as grades da minha janela.
Quero a honestidade como motivo de orgulho.
Quero a retidão de caráter. a cara limpa e o olho no olho.
Quero empregos decentes, salários condizentes, uma oportunidade a mais.

Uma casa para todos, comida na mesa, saúde a mil.
Quero livros, cachorros, sapatos e água limpa.
Eu quero voltar a ser feliz!

Quero xingar quem joga lixo na rua, quem fura a fila, quem ultrapassa a faixa,quem não usa cinto, quem não paga a conta, quem não dignifica meu voto e cobra mensalão.

Abaixo o "ter", viva o "ser" e o "sentir"!

E viva o retorno da verdadeira vida, simples como uma gota de chuva, limpa como um céu de abril, leve como a brisa da manhã


Comentários 4

Tens de entrar para postar um comentário. Se ainda não tens uma conta, regista-te agora!

  • 60

    lillianrib1 30 Novembro 2009

    Querido amigo,

    " O que me preocupa
    não é o grito dos violentos,
    nem dos corruptos,
    nem dos desonestos,
    nem dos sem-caráter
    nem dos sem-éticas.
    O que me preocupa é o silêncio dos bons". ( Martin Luther King)

    Nós devemos ser a mudança que desejamos ser no mundo.

    Um beijo carinhoso, Lilian.


  • 56

    FatimaMariaFatima 29 Novembro 2009

    Amigo, que saudades do nosso tempo de criança,
    tudo era saudavel,com muita inocencia...,
    mas ainda temos esperança, que tudo isso vai mudar,
    espero ver ainda um mundo melhor de justiça... paz e amor!


  • 49

    anitateixeira1967 29 Novembro 2009

    pois e amiga a vida ta mto triste,eu tenho um filho com 14anos e nao e nada fazil nao mais fazemos o melhor q posso e de dar os falores de vida,,um doce :) :)


  • 57

    marolaoinigualavel 29 Novembro 2009

    Olá amigo

    Muito me desagrada também
    esses tempos de agora ,mas
    saiba voce que tudo é fruto do
    que é mal plantado ,pois veja
    bem ,sempre converso ainda
    muito com os meus filhos

    Hoje ja são adultos ,minha filha
    ja casada e terminando sua
    facul,o outro ainda procurando
    se colocar na vida ,mas vivi
    em uma época de repressão,
    onde talvez nãosei se havia
    mais medo ou respeito,lutei
    muito contra isso pensando
    em um dia ,meus filhos
    poderem ser os donos
    de suas palavras e
    vontade

    E hoje isso ja acontece mas de uma
    maneira mal interpretada pelas
    pessoas ,hoje querem tirar
    até a nossa autoridade de
    pai e mãe ,alegam que
    aquela palmadinha
    necessaria quando
    criança possa
    traumatizar
    uma criança
    ou adolescente

    Muito comovente isso ,pois arrumar um
    jeito de cobrir nossas falhas alegando
    que isso ou aquilo venha fazer mal
    então me pergunto o que seria
    de mim e minha mãe se as
    palmadas que levei ,não
    fizesse lembrar que eu
    estava errado

    Hoje esse raio de direitos humanos ,acaba
    com o primeiro ensinamento que todo ser
    humano tem que se chama "RESPEITO"
    veja voce que os presos ,querem ter mais
    direitos que nos que procuramos ser
    cidadões de bem ,cuidando de nossas
    familia a todo sacrificio ,em fim ,sou
    a favor da DEMOCRACIA,mas vejo
    que ainda temos muito que
    aprender o verdadeiro sentido
    dessa palavra ,pois estão a confundir
    democracia com anarquia

    Marola

A tua avaliação: 0
avaliação: 10,0 (1 votos)