Blog / Homenagem ao Mestre Guará!

Domingo, 17 Agosto 2008 às 16:55

Homenagem ao Mestre Guará!


Mestre Guará e Mestre Leopoldina em Amesterdan 2004 no encontro de pascoa.

Se não fosse o samba quem sabe hoje em dia eu seria do bicho
Não deixou a elite me fazer marginal e tambem em seguida me jogar no lixo!
(Carlinhos Russo-Zézinho do Valle)

Incrível a importância social de uma quadra de Samba nos morros do Rio de Janeiro!
Salvo engano de minha parte a da Mangueira tornou-se um polo esportivo fantástico mudando o destino de centenas de crianças!
Enquanto a Quadra de Samba do Vila Rica em Copacabana foi embaixo de minha janela, vi coisas do arco da velha!
Anos depois mudou-se mais para cima e foi ali que o berimbau me chamou e pude conhecer o futuro Mestre Guara.



A minha 1ª ida a sua casa foi um choque pois ao saber que sua mãe, dona Maria da Conceição criava 3 filhos sózinha me veio na lembrança minha mãe subindo o morro com um filho e uma sacola de compras em cada braço. Quando o conheci eu tinha idade e conhecimento suficiente para ajuda-la um mínimo que fosse, mas a Lei de Muricy que ja vem embutida em quem nasce no morro, castra e imobiliza.

Nossa amizade se fortaleceu com o tempo, mas a 1ª laçada forte foi uma infeliz aula de matemática dada por este incompetente que não sabia o limite na cobrança do aprendizado de uma criança! Convivemos por pouco tempo porque em 1983 sai do RJ, mas restou estes 2 episódios:
Trabalhei num laboratório em Botafogo e o dono me permitiu fazer o exame de sangue do Guaracy Paulino da Conceição de graça. Desgraça pouca é bobagem, Guaracy que ja fazia curso de faquir por força do destino, ainda tinha que ir ao exame em jejum.
Para piorar eu não tinha o dinheiro da passagem de maneiras que tivemos que ir os quase 5 KM na base do expresso canelinha ou seja: A pé!
Quase matei o menino e após tirarem o sangue, tiram-lhe as forças também!
Sorte minha que a duas quadras dali morava a Capoeirista Sueli e eu fui rezando para a casa dela!
Ela estava viajando mas o marido dela, o famoso desenhista Ivan Watch Rodrigues nos deu um salvador café com pão e ele pode voltar são e salvo para casa.

:)
Guaracy e Leiteiro no Maculêle na Feira de São Cristovão no RJ em 11-11-1979!

E outro aconteceu um 7 dias antes de 11-11-1979 na Feira de São Cristovão enquanto era resgistrado a reportagem para o jornal O Globo:
Nesse dia tu marcou no pé do berimbau e pegou um pé no olho, inchou logo e voce chorou pra burro, ai eu te paguei uma laranjagua, logo tu melhorou.
A anestesia foi na base da laranjada quente!
Ja distante dele 4.000 KM , continuamos nos contactando atraves de cartas, que eu buscava no correio 2 horas de remo distante!


Foi lá que recebi emocionante desenho que originou esta homenagem!
Na real se Guará ainda não venceu, conseguiu realizar o sonho dourado de todos os capoeiristas: Ir a Mãe Africa!

Leiteiro
Remexi meus guardados e achei este desenho, feito para mim pelo menino Guaracy, em 28 de março de 1984, hoje Mestre de Capoeira Guará, desenvolvendo, ensinando e divulgando esta linda Arte na França.
No caso deste desenho, foram digamos, meia hora de dedicação, pensando na pessoa, se ela gostaria daquela côr ou do tipo de peixe.
Então este desenho, não é só um pedaço de papel colorido, é a soma de tempo e pensamentos, e no minimo um pingo de emoção!

Guará:
Tô emocionado com este email, não lembrava de nada, nada...

Yasmine:
Guará, meu caro, também eu fiquei emocionada...sinais de uma infância remota, perdida na falta de registro. A infância nos diz muitas coisasde nós mesmos...nos faz entender nosso universo particular, nos faz repassa-lo aos nossos filhos...porque senão esta, que outra motivação tem na nossa passagem por esse mundinho vão...a não ser deixar pros nossos herdeiros pequenos sinais de quem fomos.
O resto é tão nefasto, tão perecível,que melhor seria se levássemos conosco pra virar semente de nada! Viva o Leiteiro!!!

Leiteiro:
Yasmine, a Sra é do balacobaco!
Essa sua definição é do baú. É claro que meu lado ateu, não acredita muito naquela de inspiração do Espirito Santo, mas depois de ler suas palavras, minha convicção, balança, baalaançaa....
beijos de Leite!

Dona Yasmine:
Olá Leiteiro! Pois veja você, fui casada com o Guará por quase 5 anos, e durante todo aquele tempo, escutei tanto falar em você e mestre Lua!
A nítida sensação de que a infância dele estava só naquela memória...e onde estavam vocês?
Ele sempre quis reencontrar vocês, e agora isso se realiza...Porque até hoje, muitas vezes tenho a sensação, de que Guará pulou aquela fase da vida...a família, por conta de todas as dificuldades, meio que passou por cima...e na relação com o filho isso fica tão claro...a impressão de que a infância é algo quase supérfluo, tipo cultura nesse nosso país!
Enfim, vendo aquele desenho e tudo o que ele traz de inconsciente, (medos, tristezas e uma infância subestimada) percebo que muito da dureza que hoje, volta e-meia invade as feições desse capoeirista, e esconde o que nunca vai ser esquecido por aquela criança que mora ali dentro... ainda assim, ele supera qualquer expectativa, vai muito além das oportunidades desse país!
É um grande homem, íntegro como poucos!


Inae (filho do lua), Mestre Guara e Mestre Lua. Workshops realizado no Brasil em 2005 com a participaçao dos alunos da Escola de Capoeira Angola de Paris e Strasbourg, e convidados.

Esse reencontro merecia um documentário!
Porque aquele projeto social ali, na Ladeira dos Tabajaras, mudou um futuro presente hoje!
E o efeito borboleta disso tudo...gera um pedacinho de um outro Brasil, que lamentavelmente ficou só no pedacinho, mas poderia ser um Brasil inteiro...não é mesmo???
Um grande abraço!
Yasmine

A sorte lhe bafejou, Guaracy foi para a França, fez-faz um lindo trabalho, tem um maravilhoso site!


Na roda Mestre Guara e Rejane.

Nem eu, nem Guará poderiamos imaginar a projeção que o futuro nos reservava, através do Pioneiro Lua Rasta!
Digo Pioneiro porque Lua foi o 1º no Rio a trabalhar com os meninos de rua da Cinelândia!
Isso nos trouxe um problema, fomos impedidos de fazer roda de Capoeira na Cinelãndia pela policia que disse que nos armava-mos as rodas para os pivetes roubarem.

Capoeira quem é teu pai?
Sou filha de Bamba
nasci na Africa
cresci no Brasil
sou irmã do Samba!


Mestre Guará e Boneco no atabaque em Uganda, Africa agosto 2008

Na real se Guará ainda não venceu, conseguiu realizar o sonho dourado de todos os capoeiristas: Ir a Mãe Africa!
Não há duvida que a essência da Rainha Nzinga N'golo aqui no Brasil se hermafroditou, passou a ser Mãe e Pai de muitos, de Estados como Pernambuco, Maranhão e Bahia, que a ensinaram e divulgaram no leste e sul do Brasil, e de muitos Brasileiros que a ensinam e divulgam no Mundo!
Ontem erámos filhos, hoje somos pais e amanhã avôs no ensino desta Arte Maravilhosa, redentora de possiveis e provaveis Restos Humanos!

Site do Mestre Guará na França:
http://www.angola-ecap.org/spip.php?article1- 20&id_rubrique=1

Se não fosse o samba-Bezerra da Silva- letra e video
http://letras.terra.com.br/bezerra-da-silva/11...

Para a MINHA VERDADE só existe uma réplica A MENTIRA! (Leiteiro)


Comenta

Tens de entrar para postar um comentário. Se ainda não tens uma conta, regista-te agora!
A tua avaliação: 0
sem avaliação